Avaliação de Português: Orações coordenadas – 2º ano do ensino médio

Avaliação de língua portuguesa: Orações coordenadas e classe de palavras - 2º ano do ensino médio

    Avaliação de Português para o segundo ano do ensino médio. As questões sobre orações coordenadas não são, de modo geral, de simples classificação: exigem a compreensão leitora e a intencionalidade contextual das conjunções. Vai lá e dá uma espiada! Bom trabalho, professor(a)!   😉     😉     😉 

    É possível fazer download desta prova de língua portuguesa em Word (modelo que pode ser editado) e em PDF (modelo pronto para imprimir), está disponível também a atividade respondida. 



 

 

    Baixe este exercício em:

 

 

ESCOLA:                                                          DATA:

PROF:                                                              TURMA:

NOME:     

Dicionário repaginado

    Com palavras criadas a todo instante por conversas do dia a dia e tecnologias, entenda como gírias e expressões vão parar entre os verbetes do dicionário
    Quantas palavras tem a língua portuguesa? É impossível saber ao certo, mas as estimativas variam entre 200 mil e 600 mil. Diante de tamanha imprecisão, alguém poderia sugerir: ora, basta contar o número de verbetes do dicionário!
    Infelizmente, esse procedimento não daria certo porque diferentes títulos contêm quantidades variáveis de vocábulos e também porque apenas uma pequena parcela das palavras da língua está registrada neles. Parece estranho? Pois não é.
    Em primeiro lugar, numa conversa de botequim ou no âmbito do comércio, da ciência ou da tecnologia, palavras são criadas a todo instante, da gíria adolescente ao termo técnico. É em parte por isso que se torna impossível estabelecer com precisão o número de termos da língua.

(http://www.cartaeducacao.com.br/aulas/fundamental-1/dicionario-repaginado/)

 

RESPONDA ÀS QUESTÕES DE 1 A 6 A PARTIR DO TEXTO:

1) As palavras que compõem o título são, na ordem e no contexto que aparecem
a) substantivo e adjetivo
b) adjetivo e substantivo
c) adjetivo e verbo
d) substantivo e verbo
e) interjeição e verbo

 

2) “Quantas palavras tem a língua portuguesa? É impossível saber ao certo, mas as estimativas variam entre 200 mil e 600 mil.” A conjunção coordenada adversativa presente traz sentido, entre as orações, de
a) oposição.
b) adição.
c) alternância.
d) quantidade.
e) superioridade.

3) Na frase, “Parece estranho? Pois não é.”, a palavra “pois” possui sentido, neste contexto, de
a) conclusão.
b) adição.
c) alternância.
d) explicação.
e) oposição.

 

4) A palavra que inicia o último parágrafo é
a) uma interjeição
b) uma conjunção
c) uma preposição
d) um artigo definido
e) um pronome

 

5) Analise as alternativas a seguir em relação à expressão que termina o texto “da língua”.
I – é uma locução adjetiva.
II – é composta por preposição, artigo e substantivo
III – é uma locução adverbial

Marque a alternativa que contempla a(s) incorreta(s)
a) I
b) II
c) I e II
d) III
e) II e III

 

6) No último parágrafo, encontramos conjunções
a) aditivas
b) adversativas
c) alternativas
d) explicativas
e) conclusivas

 

7) “O aluno não só estuda Português, mas lê livros indicados em vídeos no Youtube”. A conjunção adversativa, neste contexto, tem valor de
a) soma
b) contraste
c) possibilidade
d) neutralidade
e) subtração

 

8) Se você fosse um escritor(ou escritora) e usasse esta frase em um dos seus capítulos, “Aquela moça fala, fala, fala e ninguém a escuta!”, poderíamos afirmar que a repetição do verbo “falar” e a conjunção “e” na construção da sua história, respectivamente
a) demonstra que a moça fala pouco e o “e” indica soma.
b) demonstra que a moça fala muito e o “e” indica oposição.
c) demonstra que a moça fala palavrões e o “e” indica oposição.
d) demonstra que a moça fala muito e o “e” indica justificativa.
e) demonstra que a moça não fala e o “e” indica alternância.

 

9) Se o aluno chega em casa e ouve: “Estuda ou ficará de castigo!”. A conjunção coordenativa alternativa traz o sentido, neste contexto, de
a) soma de duas ações.
b) condição para não passar uma situação ruim.
c) oposição entre duas ações.
d) soma de ideias opostas.
e) condição para ser visto como bom aluno.

 

10) Analise as afirmativas
I – Na frase: “As pessoas sabem o que fazer, mas precisam de orientação constante.”, poderíamos substituir o “mas” por “porém” sem prejuízo do sentido e da correção gramatical.
II – Entretanto e Portanto são conjunções adversativas.
III – Ou é uma conjunção coordenativa alternativa, ou seja, indica soma.

Marque a alternativa que contempla a(s) incorreta(s)
a)I    

b)II      

c)I e II          

d)III          

e)II e III

 

 

Por  André Tarragô Martins  –  professor de ensino médio e fundamental de Língua Portuguesa e Mestre em Letras na área de Linguagem, Interação e Processos de Aprendizagem. Além disso, é músico e jornalista. Atua em pré-vestibulares, pré-concursos, aulas particulares, elaboração de provas de concursos e é criador de conteúdo para o Portal www.acessaber.com.br.     

As respostas estão no link acima do cabeçalho.







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *