Interpretação de texto: Aves de rapina – 4º ou 5º ano

Interpretação de texto: Aves de rapina - 4º ou 5º ano

    Atividade de interpretação de texto, proposta a alunos do quarto ou quinto ano do ensino fundamental, utilizando o texto “Aves de rapina”.

    Você pode baixar esta atividade de português em modelo editável do Word, pronta para impressão em PDF e também a atividade respondida.



 

 

    Faça o download desta atividade em:

 

 

ESCOLA:                                                          DATA:

PROF:                                                              TURMA:

NOME:     

 

Aves de rapina

    “As aves de rapina vivem nos mais variados ambientes: em florestas, campos, montanhas, próximas a rios e os mar. Interessante é que em cada ambiente se encontram as espécies de aves de rapina adaptadas para viver neles. As corujas que costumam habitar o interior de florestas, por exemplo, possuem asas curtas e largas e uma cauda comprida que as ajuda nas manobras de vôo no interior da mata. Já as águias e os gaviões que vivem em campos abertos possuem cauda curta e asas largas e cumpridas para planar a grandes alturas.

    Os falcões que costuma viver em áreas abertas, por sua vez, tem cauda curta e asas longas e pontiagudas para que possa voar a grande velocidade atrás de suas presas. Essas aves, alias, são encontradas em áreas abertas justamente para que possam desenvolver sua velocidade sem que encontrem obstáculos à frente. No entanto, atenção: existem falcões e gaviões e águias de florestas e de campo aberto. Dependendo do local onde vivem, elas apresentam determinadas adaptações.

Extraído do site http://cienciahoje.uol.com.br/1909

 

Questões

1) Qual é o titulo do texto?

R:

 

2) Onde vivem as aves de rapina?

R:

 

3) Como são as corujas que costumam habitar no interior das florestas?

R:

 

4) Como são águias e gaviões que vivem em campos abertos?

R:

 

5) Como são os falcões que vivem em áreas abertas?

R:

 

6) Por que essas aves são encontradas em áreas abertas?

R:

 

 

Por ACESSABER

As respostas estão no link acima do cabeçalho.







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *