Interpretação de texto: Quais são as frutas nativas do Brasil mais exóticas – 7º ano

Interpretação de texto: Quais são as frutas nativas do Brasil mais exóticas - 7º ano

    Interpretação de texto, dirigida aos estudantes do 7º ano, que trata das frutas nativas mais exóticas em nosso país. Descobra quais são!

    Você pode baixar esta atividade de português em modelo editável do Word, pronta para impressão em PDF e também a atividade respondida.


 

 

    Faça o download desta interpretação em:

 

ESCOLA:                                                          DATA:

PROF:                                                              TURMA:

NOME:         

 Leia:

Quais são as frutas nativas do Brasil mais exóticas? 

por Lorena Dana

    Existem mais de 300 frutas nativas do território nacional. Graças aos nossos 8,5 milhões de quilômetros quadrados e à abundância de biomas, dá para encontrar espécies com os mais variados sabores e cores. Algumas frutas brasileiras, como goiaba, caju, maracujá e abacaxi, são bastante populares em todo o país, mas existem outras que, mesmo sendo deliciosas, ainda são desconhecidas pelos consumidores. “Para haver produção comercial dessas anônimas, são necessários estudos sobre época de coleta, armazenamento, germinação das sementes, melhoramento genético, adubação, entre outros fatores”, diz a engenheira agrônoma Leide Rovênia Miranda de Andrade, pesquisadora da Embrapa Cerrados. […]

Disponível em: http://mundoestranho.abril.com.br. Acesso em: 30/05/16.

 

Questão 1 – Assinale o objetivo do texto:

a) informar

b) instruir

c) divulgar

d) entreter

 

Questão 2 – O segundo período do texto estabelece com o primeiro a relação de:

a) continuidade

b) adversidade

c) causa

d) consequência

 

Questão 3 – Identifique o argumento de autoridade presente no texto. Qual a sua finalidade?

 

 

Questão 4 – Em “[…] existem outras que, mesmo sendo deliciosas, ainda são desconhecidas pelos consumidores.”, o termo destacado substitui:

 

Por Denyse Lage Fonseca – Graduada em Letras e especialista em educação a distância.

As respostas estão no link acima do cabeçalho.






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *