Atividade de português: Locução prepositiva – 2º ano do ensino médio

Atividade de português: Locução prepositiva - 2º ano do ensino médio

    Atividade de português, dirigida aos estudantes do 2º ano do Ensino Médio, propõe o estudo da locução prepositiva, tomando-se como referência o parágrafo final da crônica O diamante, escrita por Fernando Sabino.

    Esta atividade de língua portuguesa está disponível para download em modelo editável do Word, pronta para impressão em PDF e também a atividade respondida.


 

    Baixe esta atividade em:

 

ESCOLA:                                                                                                                                             DATA:

PROF:                                                                                                                                                  TURMA:

NOME:

Leia o parágrafo final da crônica O diamante, escrita por Fernando Sabino:

    O próprio Jovelino, entrado em anos, era agora um velho sacudido e bem disposto, que tinha mais o que fazer do que cuidar de garimpagens. Mas um dia não resistiu: passou a mão na sua enxada, e sem avisar ninguém, o olhar reluzente de esperança, partiu à procura do impossível, do irreal, do inexistente diamante de seu sonho.

Deixa o Alfredo falar! Rio de Janeiro: Record, 1979. 

Questão 1 – Explique a ideia de oposição, introduzida pela conjunção “Mas”, estabelecida entre os períodos que compõem o trecho da crônica:

 

Questão 2 – Em “[…] partiu à procura do impossível […]”, a locução prepositiva indica uma relação de:

a) finalidade

b) lugar

c) modo

d) causa

 

Questão 3 – Em todas as alternativas, os prefixos das palavras exprimem negação, exceto em:

a) reluzente

b) impossível

c) irreal

d) inexistente

 

Questão 4 – No trecho da crônica, os dois pontos introduzem:

a) uma explicação

b) uma exemplificação

c) uma citação

d) uma enumeração

 

Questão 5 – Grife os termos que retomam o personagem Jovelino:

a) “[…] que tinha mais o que fazer do que cuidar de garimpagens.”

b) “[…] a mão na sua enxada […]”

c) “[…] do inexistente diamante de seu sonho.”

 

 

 

Por Denyse Lage Fonseca – Graduada em Letras e especialista em educação a distância.

As respostas estão no link acima do cabeçalho.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *